Operação da Polícia Federal cumpre mandados de busca em Fortaleza e em Catarina por compra de votos

Escrito por Redação, 08:30 / 29 de Janeiro de 2021. Atualizado às 08:50 / 29 de Janeiro de 2021

A Operação Tantos investiga crimes eleitorais cometidos durante as eleições municipais de 2020 no Ceará

Polícia Federal cumpriu, na manhã desta sexta-feira (29), nove mandados de busca e apreensão, sendo seis deles no município de Catarina e três em Fortaleza. A Operação Tantos investiga crimes eleitorais cometidos durante as eleições municipais de 2020 no Ceará. Ninguém foi preso na ação.    

O inquérito policial, que está em curso na Delegacia de Polícia Federal em Juazeiro do Norte, apura a prática de oferecimento de valores, cheques, ameaças, propostas de emprego, uso dos cartões de benefício social e do aumento de salário de servidores públicos em troca de votos na cidade de Catarina. A ação decorre de uma representação do Ministério Público Eleitoral.

Leia mais

SEGURANÇAJustiça decide soltar engenheiros suspeitos de fraudes em licitações na Prefeitura de EusébioSEGURANÇAJustiça aceita denúncia contra acusados de manter jovem refém em porta-malas de carro em FortalezaSEGURANÇASeis suspeitos de integrar facção criminosa em Fortaleza são soltos
Os agentes federais apreenderam computadores, celulares e documentos nos endereços alvos, localizados nos dois municípios. Em Fortaleza, as ordens expedidas pela Justiça Eleitoral foram cumpridas nos bairros Cocó e José Bonifácio.   

A pena para o delito de compra de votos é de um a quatro anos de reclusão. Segundo a Polícia, o nome da operação remete ao termo utilizado por um dos investigados, que prometia “tantos mil” em troca de votos. Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança


ASSUNTOS RELACIONADOS

Instituicões e Partidos/polícia federalMunicípios/catarinaMunicípios/FortalezaCrimes e Justiça/crime eleitoral


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.