Setor de beleza tem protocolos de higiene para retomada das atividades

Escrito por Sebrae-CE, 07:00 / 27 de Agosto de 2020.

Sebrae-CE oferece orientações para o combate ao novo coronavírus, por meio do site e de visita de consultores. Objetivo é esclarecer clientes e reaquecer os negócios.

O segmento de salões de beleza, barbearias e estabelecimentos similares foi bastante afetado pela pandemia. Com a obrigatoriedade de permanecer de portas fechadas por vários meses, por determinação das autoridades de saúde, muitas empresas do ramo de beleza tiveram de encerrar as atividades ou demitir funcionários. Com a retomada gradual das atividades, os clientes começaram a voltar, mas ainda em número reduzido. E o principal motivo é o receio dos frequentadores, que querem ter a certeza de que o local está respeitando as normas de higiene e de combate à transmissão do novo coronavírus. “O cuidado com os protocolos de segurança e disseminar esta informação são medidas que vão ao encontro dos maiores anseios dos clientes neste momento”, observa Ana Virginia S. Milhome Alcoforado, analista do Sebrae-CE.

Dessa forma, comunicar aos consumidores que o estabelecimento segue as orientações das autoridades de saúde é fundamental para a recuperação econômica. Pensando nessa necessidade, o Sebrae preparou uma série de protocolos de retomada para os salões de beleza, de modo que o atendimento ao público seja feito da forma mais segura possível. “O Sebrae tem divulgado amplamente, por meio de lives e reuniões com o segmento, materiais digitais sobre esses protocolos de retomada para os salões de beleza. Além disso, o Sebrae tem ofertado consultorias para implantação de boas práticas de higiene e medidas contra o coronavírus específicas para o segmento”, informa Ana Virgínia.

Para ter acesso aos protocolos de retomada para os salões de beleza basta acessar o link no site do Sebrae.

Vídeos explicam detalhes dos protocolos

Além dos protocolos, o site do Sebrae traz vídeos explicativos, de modo que o proprietário do salão de beleza e os funcionários poderão compreender com detalhes os procedimentos a serem adotados. “Há muitos pontos a serem contemplados pelo segmento de beleza. Contudo, reforçamos o uso de máscaras – tanto por profissionais como por clientes –, a verificação de temperatura, a ventilação natural, o uso de álcool em gel, a limpeza constante de utensílios e móveis e o limite de pessoas na área de espera do salão”, reforça Ana Virgínia S. Milhome Alcoforado.

A analista do Sebrae-CE informa que a instituição tem uma consultoria específica para atender os salões de beleza. Se o empreendedor desejar, o consultor do Sebrae visita o salão, faz o estudo dos seus processos, desde o recebimento do cliente até a forma de pagamento e finalização do serviço, “e juntamente com o salão, implementa práticas de higiene de forma a atender cada ponto identificado como risco para profissionais ou clientes”, explica Ana Virgínia.

Os protocolos de retomada são orientados para os grandes salões e para os de pequeno porte. “O foco é sempre a segurança dos profissionais e dos clientes“, esclarece a analista do Sebrae-CE.

Os salões de beleza e outras empresas do ramo de beleza que queiram aderir a estas ações podem procurar o Sebrae-CE em Fortaleza ou nas demais cidades do Estado para agendar a visita de um consultor.

Sebrae-CE

Canal de atendimento: 0800.570.0800

Os protocolos de retomada para o setor de beleza estão no link no site do Sebrae.


ASSUNTOS RELACIONADOS

Economia/empreendedorismosalões de belezabeleza, estéticaprotocolos de retomadapandemiaSebrae-CEespecial publicitário


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.