TJCE vai lançar atendimento virtual de magistrados

O Tribunal de Justiça do Ceará prepara, para esta semana, a aprovação e publicação de uma portaria determinando que os juízes estaduais atendam a advogados, promotores e defensores públicos por meio de videoconferência. O atendimento aos representantes das partes nos processos é uma obrigação dos magistrados, mas acabou sendo prejudicado pela pandemia. A decisão da Justiça Estadual contempla os operadores do Direito e ocorre após diálogos com as categoria desde o início da crise do coronavírus, em que as atividades judiciais passaram a ser feitas por meio de teletrabalho e home office. O atendimento virtual deve ocorrer após um agendamento que poderá ser feito no próprio Judiciário. A ideia do presidente Washington Araújo é anunciar a ferramenta até sexta-feira (5).

Atendimento virtual

A ideia do TJCE é que, após a solicitação da parte, a unidade judiciária tenha 24 horas para responder ao pedido e combinar os canais virtuais que serão utilizados na videocon-ferência. O atendimento dos magistrados da Justiça Estadual é uma reclamação dos advogados cearenses neste período de pandemia. Segundo a OAB-CE, que apoia a ideia, o assunto já foi alvo de conversas com a Presidência do Tribunal de Justiça do Ceará.

Estado em saia justa

Durante a crise causada pelo motim de policiais militares no Ceará, policiais civis acabaram entrando na linha de frente para ajudar no policiamento nas ruas no momento de dificuldade. Havia uma expectativa dos agentes e delegados de terem os pleitos salariais reconhecidos pelo Governo do Estado. O congelamento de salários dos servidores imposto pelo Governo Federal ao conceder socorro aos estados, acabou prejudicando. Só poderá haver aumento em 2022. Diante da situação, o Estado já se prepara para dialogar com a categoria em busca de resolver a situação. “Pode haver outras formas de contemplar”, diz uma fonte do Governo.

Pouca ajuda

Em sessão virtual, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) vai debater com vereadores, nesta terça-feira (2), aspectos relativos ao enfrentamento à Covid-19 na Capital. A participação do gestor será em reunião da Frente Parlamentar de Enfrentamento ao Coronavírus. Todos os vereadores poderão participar do debate. O prefeito mantém uma ampla base de apoio na Câmara Municipal, com mais de 30 aliados, mas neste período de pandemia, críticas de parlamentares da oposição acabaram tendo que ser rebatidas pela própria gestão. Os aliados ajudaram pouco.

A Política e o BNB

Toma posse, nesta terça-feira (2), o novo presidente do Banco do Nordeste, Alexandre Borges Cabral. Com ampla experiência no setor e servidor de carreira do Banco, a experiência do novo comandante não preocupa. A política que envolve a chegada dele ao posto é que gera especulações. Em Brasília, há alguns dias, se fala na aproximação do presidente Bolsonaro com partidos do chamado ‘Centrão’. A indicação é de partidos como o PL e o PTB. O presidente atual, Romildo Rolim, deixa o cargo com bons números. A indicação política, embora tabu, não é um ato negativo em si. Além disso, o BNB tem normas internas rígidas que precisam ser seguidas para cumprir sua principal missão: ser um banco de fomento.INÁCIO AGUIAR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.